Pesquisar

sexta-feira, 4 de setembro de 2015

Lavanda: um aroma fundamental

lavanda, wikipedia, rivotril, melhor perfume, grasse, frança
Olá, perfumado(a)! Hoje, a nossa resenha será de apenas uma única nota, mas que faz toda a diferença: LAVANDA!

Sim, lavanda. Nua e crua. Pura como as águas nascentes de nossos recursos naturais. Da lavanda se obtém vários resultados, desde óleos até ornamentação de bolos. Vários países produzem essa maravilha de flor, mas se tem um em especial, esse país é a França. Já ouviu falar da lavanda de Grasse? E de Florence? Basta viajar para o Sul da França e entender o significado de o que é ser guiado por aromas. Principalmente pelos campos de lavanda.

Pesquisando pela internet, achamos uma definição bem legal e técnica sobre o que é a lavanda. Leia a seguir:

"As lavandas (popularmente conhecidas em Portugal pelo termo de origem árabe alfazemas) são plantas do gênero Lavandula, da família Lamiaceae. São pequenos arbustos, perenes, incluindo também as anuais e os subarbustos. O nome é mais frequentemente usado para as espécies do gênero que crescem como ervas e para ornamentação. Destas as mais comuns são a lavanda inglesa e a Lavandula angustifolia (L. officinalis). As espécies ornamentais geralmente são as L. stoechas, L. luisieri, L. dentata, e a L. multifida.

As lavandas crescem em jardins. Suas flores são usadas para arranjos florais secos. As flores púrpuras e os brotos, de fragrância suave, são utilizados em pot-pourris. Secos e embalados em pequenos saquinhos de tecido de algodão são utilizados para serem colocados entre as roupas do armário para dar-lhes uma fragrância fresca e agradável, e também para impedir a presença de insetos e parasitas. O cultivo comercial da planta é para a extração de óleos das flores, caules e plantas, que são utilizados como antissépticos, em aromaterapia e na indústria de cosméticos. Como produto terapêutico, em infusão, deve ser evitado o uso contínuo, podendo produzir excitação em dose tóxica".

Fonte: Wikipédia.

Recentemente, após um experimento com um sabonete simples de lavanda, pudemos constatar que o aroma, de fato, tem características relaxantes, basicamente "dopa" o seu usuário. Não seria exagero nenhum dizer que essa planta maravilhosa é parente distante do Rivotril. Acalma, alivia, traz bem estar, deixa o ambiente alegre. Pode procurar em qualquer loja que venda essências, incensos ou similares, que a referência de calmaria e paz sempre se voltará para a lavanda. E cá pra nós: em pleno século XXI, onde tudo é tão corrido e os dias sempre estressantes, ter um pouco de calmaria deixa tudo mais bonito, não é verdade? Então, o que custa termos um pouco de lavanda no nosso dia a dia? É um investimento baixo para alta qualidade de vida. Sugestões de compra??? Aqui vamos nós:

  • Toda linha da L'Occitane de lavanda (perfume de ambiente, sabonetes, perfume para o corpo, óleo relaxante)
  • Eau des Minimes (Le Couvent des Minimes)
  • 4711 Acqua Colonia (Maurer & Wirtz)
  • Eau de Lavande (Annick Goutal)
  • Eau de Cartier Concentrée (Cartier)
  • Neroli Portofino (Tom Ford)
Gostamos também dos sabonetes Phebo e Francis de lavanda de Grasse. Pouco se fala deles, mas os aromas são ótimos e os preços, mais ainda. Opções temos aos montes, mas essas mencionadas são mais fáceis de encontrar. Quanto ao perfume do Tom Ford, é possível encontrá-lo aqui no Brasil. Só o preço que não é dos melhores, mas vale a pena.

Nenhum comentário:

Postar um comentário