Pesquisar

quinta-feira, 8 de julho de 2010

Quero comprar um perfume importado, mas acho muito caro. O que faço?


Bom, primeiramente, deve ser levado em consideração a forma de pagamento disponível que você tem em mãos. Dinheiro? Cartão de crédito? Hoje o mercado está muito dinâmico e aberto a qualquer classe social, independente da quantia a ser gasta na aquisição de um novo perfume.

Tudo bem que não é tão comum se comprar um Clive Christian como o da foto, não é mesmo? £115.000,00 (uma bela bagatela, diga-se de passagem) e foi desenvolvido mais exclusivamente para a realeza e/ou um público-alvo mais restrito. Há ainda quem os compre por pura obsessão, mas é puramente objeto de pertence para quem tem uma realidade financeira mais alta. Voltando ao nosso mundo, temos que analisar segundamente as grifes. Existem 3 tipos no mercado: as exclusivas (casos como Clive Christian, Sisley, Jean Patou), as badaladas (casos como Azzaro, Burberry, Dior, Chanel, Carolina Herrera, Givenchy, Yves Saint Laurent, etc.) e as não-famosas (como Via Paris, Ulric de Varens, Paris Elysées, Cuba, etc.). Para quem quer pechinchar e não perder em qualidade, existem fragrâncias não-famosas e algumas de grife badaladas que podem se enquadrar bem em qualquer bolso com um preço amigão. Vamos a elas:
  • Laloa, Laloa Blue e Miss Laloa (Via Paris): São bons perfumes, com fragrâncias simples e de boa fixação. Cada um tem uma tendência olfativa parelha com outros badalados, mas não fazem feio e vale a pena ter na coleção. Custam entre 30 e 50 reais;
  • Sexy Woman e Amour Toujours; Black Caviar e Vodka (Paris Elysées): São muito bons e se assemelham a outras marcas mais famosas, e com um custo-benefício bem inferior, chegando a ser mais barato do que muitos Naturas e Boticários da vida. Custam entre 30 e 50 reais;
  • UDV For Men, Extreme, Blue e Best Of; Love By, Mini Sexy, Gold-Issime e UDV Pour Elle (Ulric de Varens): São perfumes que tendem a ser mais exclusivos, com algumas similaridades das grifes famosas, mas com personalidade própria. Têm bons preços e podem ser adquiridos sem maiores problemas. Custam entre 40 e 90 reais;
  • Grey, Green, Brown, Blue e Black (Cuba): Geralmente são baseados em fragrâncias de grife, mas tem qualidade. E de todas essas marcas descritas, são os mais populares entre os homens, por serem baratos e com boa fixação. Custam entre 15 e 50 reais;
  • Outras grifes no mercado: Lomani, Everlast, 1902, Linn Young, Ana Hickmann, Yardley of London, Polo Guards Club, Benetton, Nuparfums, Jeanne Arthes, Playboy, Georges Mezotti, Lonkoom;
  • ZARA, Bourjois, Benetton.
Veja algumas opções maravilhosas citadas e explicadas nos vídeos a seguir:



Joia. Agora vocês já sabem quem é o que e quanto custam. Agora, aonde encontrá-los??? Em lojas de importados de shoppings e internet (Sephora, Free Italia, Sépha, Época Cosméticos, Machérie, dentre outros sites). Se vocês tiverem fácil acesso ou contatos com Freeshops, também é uma boa pedida. Agora, basta experimentá-las e tirarem suas próprias conclusões. Não comprem no escuro para não serem surpreendidos, pois perfume é igual roupa: tem que experimentar no corpo antes pra saber se fica bom ou não. Última dica: fiquem ligados nas promoções de outros perfumes de marcas mais consagradas, volta e meia aparece um com um super desconto e aí sim, fica bem fácil de comprar (o site Buscapé é ótimo para se garimpar bons preços). Grande abraço!


OBS: Freeshops são lojas localizadas no interior de salas de embarque e desembarque de aeroportos onde produtos são vendidos com isenção ou redução de impostos. Em alguns países, embora existam aeroportos internacionais, há Duty-Free Shops espalhadas pela cidade. O Uruguai e a Argentina são um exemplo disto.
Fonte: Wikipedia